Criando script para textura no Photoshop

Criar texturas de bump e specular, para trabalhos 3d, apesar de não ser uma tarefa tão difícil pode ser bem demorada quando se trata de várias imagens, então vamos criar um script para automatizar esse processo.






Abra uma textura qualquer no photoshop, eu usarei como exemplo a textura criada no tutorial Criando Texturas sem Emendas daqui do blog.


Agora vamos gravar todas as operações em forma de script para que elas fiquem automáticas nas próximas texturas, para isso abra o menu ações, eu uso o photoshop CS4 no tutorial, mas nas versões anteriores esse recurso também está disponível.








Vamos criar uma nova ação clicando no botão Criar nova ação.

No campo Nome defina um nome para a ação, como texturas por exemplo, e na caixa Teclas de Função, escolha uma tecla que irá acionar o script após ele ficar pronto, para o exemplo usarei a tecla F2, as teclas podem ser combinadas com os botão Ctrl e Shift caso necessário, assim que terminar clique em Gravar.
Notem que o botão Início da gravação fica vermelho demonstrando que será gravado tudo o que for feito no programa a partir daí.


Renomeie a camada da textura para Difuse e pressione as teclas Ctrl+J para criar uma cópia da camada.







Agora pressione Shift+Ctrl+U para deixar essa camada em tons de cinza e renomeie para Bump, feito isso crie uma nova cópia e renomeie como Specular.







Agora pressione Ctrl+L e ajuste o nível até ter um mapa de specular satisfatório, esse mapa define onde a textura será mais brilhante de acordo com a iluminação.

Assim que terminar basta clicar em interromper execussão/gravação e nosso script está pronto, agora salve cada camada separadamente em seu computador e aplique a um modelo 3d.

Para testar o script abra outra textura qualquer e apenas pressione a tecla de atalho que defeniu para o comando, no meu caso a tecla F2.

Muitas texturas precisarão de um ajuste extra principalmente no mapa Specular, mas com esse script já agiliza muito a criação desses canais.

2 comentários:

  1. Oi fabrício, no caso do bump, não precisar inverter os tons não? tipo: ctrl+i

    ResponderExcluir
  2. Olá Silvio, depende do caso, eu não costume inverter pois normalmente as partes de depressão já ficam naturalmente mais escuras, se você inverter corre o risco de ter a volumetria dos detalhes invertidos também, mas cada caso é um caso.

    ResponderExcluir